Posts Tagged "jaqueta"

Não, ele não morreu.

O estilo que marcou uma geração está de volta, mais vivo do que nunca e para a alegria dos mais nostálgicos – e dos fashionistas de plantão.

O movimento punk surgiu como uma forma de manifestação política e usou principalmente a música, o comportamento e a moda como forma de critica ao sistema. Agora, impulsionado pela onda vai e vem das tendências, a moda punk retornou às ruas repaginada e super moderna. Quer ver só?

Entre as principais características do estilo punk estão peças de tecidos pesados como jeans, flanela e couro, além de modelos mais estruturados, como jaquetas com inspiração militar – tendência que influencia muito a moda punk.

Cores escuras como o preto, cinza, verde militar e vermelho predominam no guarda-roupa punk. O jeans skinny é outra peça símbolo deste estilo, além de peças destroyed e camisetas de bandas.

Nós pés, os coturnos são verdadeiros ícones da moda punk. Entre os assessórios, muito couro, correntes, tachas, rebites e patches. Peças típicas da moda nos anos 90 e que fazem muito sucesso atualmente – como os brincos de argola e as chokers – também marcaram o estilo punk.

Além disso, os cabelos coloridos também foram tendência entre os punks dos anos 70/80 e voltaram com tudo em 2018!

Mas calma! Para aderir ao estilo punk no seu look é óbvio que não precisa sair por aí fantasiado. O novo punk, ou punk urbano, pega todas estas características que falamos acima e mescla com peças de outros estilos, como peças mais delicadas e românticas, esportistas ou alfaiataria.

Para o look ficar perfeito e estiloso sem exageros, a ideia é sempre balancear. Então una uma peça com pegada punk à outra mais neutra.

Dica: Algumas peças com inspiração no estilo punk estão super em alta. Alguns exemplos são os jeans destroyed, as jaquetas de couro e jeans (modelos oversized, destroyed e com aplicações de patches e correntes), coturnos, estampa xadrez, peças com inspiração militar e com aplicações de tachas. Ou seja, valem o investimento.

 

Mas o que foi o movimento punk?

O punk surgiu durante os anos 70 como um movimento de crítica ao sistema e à política da época pós guerra e o militarismo. Assim como os hippies, os punks usavam a arte e o comportamento como forma de se manifestar, mas de uma maneira mais agressiva, utilizando como base o questionamento, a revolta, a provocação, a ironia e o deboche.

Como manifestação artística, o punk foi de grande importância histórica, influenciando e revolucionando a música, a moda, o design, as artes plásticas, o cinema, a poesia e o comportamento.

Quer uma tendência certeira neste inverno?

Então aposte todas as suas fichas no militarismo!

Como tudo o que bombou nos anos 90, o militarismo está de volta com força total! Mas calma, nem só de camuflado vive a tendência militar. Vem com a gente conhecer um pouquinho da história deste estilo e descobrir como incorporá-lo no seu guarda-roupa!

 

De onde veio:

Como podemos desconfiar só pelo nome, a tendência militar surgiu inspirada nos uniformes do exército e se popularizou após a Segunda Guerra Mundial, quando as mulheres começaram a ter papel cada vez mais ativo no meio militar.

Com a dificuldade financeira vivida no pós-guerra, as roupas também passaram a ter cortes mais simples e retos, com cores mais sóbrias como bege, cinza e verde escuro.

Mas foi só na década de 1990 que a tendência virou moda mesmo, quando foi adotada principalmente por astros do rock e simpatizantes do movimento grunge, que misturava peças básicas com outras de influência militar como coturnos, parkas e jaquetas de couro.

 

Mas afinal, quais peças se encaixam neste estilo?

Não só de camuflado vive o militarismo. Para aderir a esta tendência, invista em peças em tons sóbrios como preto, bege, marrom, cobre e principalmente tons mais fechados de verde, como o verde-oliva.

Aproveite o inverno e abuse dos casacos pesados. As parkas já fizeram muito sucesso no último frio e prometem continuar com tudo em 2018. Peças estruturadas, com ombreiras e muitos bolsos. Detalhes em patches e aplicações que lembrem emblemas e medalhas também enriquecem o estilo.

Nos pés, use e abuse das botinhas tipo coturno, sapatos com solado tratorado, amarrações e fivelas.

 

E como usa?

O militarismo é uma tendência super democrática e pode ser adaptado a praticamente qualquer estilo pessoal. Ele é perfeito para quebrar o romantismo de looks mais delicados ou incrementar uma produção mais simples.

O ideal é sempre desconstruir a tendência, ou seja, combinando com peças de outros estilos ou mais básicas, para não parecer uma fantasia de soldado. Misturar as suas peças militares com peças de alfaiataria pode ser uma ótima escolha, por exemplo. Acessórios em dourado também ajudam a deixar o visual mais sofisticado.

Gostou destas dicas e quer conhecer mais tendências ou aprender a usar aquela peça do momento? Então continue nos acompanhando por aqui e aproveite para curtir a Polako lá no Facebook e seguir a gente lá no Instagram também. Te vemos por lá, ein!

Nos anos 90 a principal característica da moda era a sua liberdade de expressão. As pessoas escolhiam o que vestir conforme se identificavam com um estilo ou tendência ou simplesmente conforme seu estado de espírito. Simples e sem muitas regras.

O fato é que as tendências vem e vão e no período em que vivemos, nada mais justo do que ressuscitar uma moda livre de padrões e preconceitos. Quem viveu a década de 90 deve lembrar de muitas das tendências que têm circulado pelas ruas nas últimas estações.

A moda andrógena, o estilo grunge, os looks total jeans e os famosos conjuntinhos combinando voltaram para deixar qualquer um nostálgico e fazer a alegria dos saudosistas. E mesmo quem é da geração 2000 mas adora um etilo retrô está amando se jogar nessa moda. Por isso, elencamos as 10 maiores tendências anos 90 para você também voltar no tempo com a gente!

Cintura alta: Esta já se tornou um clássico e é uma das tendências mais fortes dos últimos tempos. A cintura alta voltou para ficar e em todo tipo de peças: calças, shorts e saias. Destaque para as calças mom, modelo com cintura alta e mais soltinho ao longo do corpo, super anos 90.

Cropped: A barriguinha de fora também voltou faz tempo, principalmente acompanhada da tendência acima. Os croppeds vieram para ficar e se adaptaram a todos os ambientes, dos looks casuais até ocasiões formais e elegantes.

Sobreposição: Outra mania que teve seu ápice na década de 90 e que garante um estilo muito autentico, já que você pode demonstrar toda a sua personalidade ao misturar as mais variadas peças. A dica principal é a combinação de camiseta branca com um vestido de alças finas, mas o propósito aqui é fugir do comum e inovar conforme o seu gosto.

Camisa xadrez: Ícone do estilo grunge, a camisa xadrez é tão democrática que a variedade de combinações que podem ser criadas com ela é imensa. Nossa dica é apostar na peça amarrada na cintura e combinada com coturno, outro clássico grunge que promete muito nas próximas estações.

Sandálias de plástico e salto plataforma: Em se tratando de sapatos, eis os queridinhos da época. As sandálias de plástico fizeram a cabeça das adolescentes da década de 90 e assim como os saltos plataformas – muito usados pelas meninas do Spice Girls – voltaram com tudo. Aposte em um visual girly e use com saias ou vestidos rodados.

Jardineiras: Diferentes dos macacões (que também estão com tudo) as jardineiras têm alças mais finas e decote mais baixo e são ótimas para também investir nas sobreposições. Invista na combinação com t-shits divertidas para looks casuais e alegres.

Óculos de modelos redondos: Eles surgiram nos anos 70, foram resgatados na década de 90 e mais uma vez estão por aí. Com ar retrô, ficam bem com vários looks e garantem muito estilo ao visual.

Gargantilha: Quem viveu a década de 90 com certeza lembra das famosas gargantilhas de plástico. Elas voltaram desta vez em couro, camurça e diferentes tipos de metais e pedrarias. São estilosas e dão um toque especial ao look.

 Pochete: Sim, ela também está de volta! Não tem como pensar em anos 90 sem lembrar das pochetes, acessório indispensável na época, dos modelos esportivos aos de couro. Desta vez, ela vem repaginada em vários tecidos, cores, estilos e acabamentos.

Jaqueta Jeans e patches: O jeans é atemporal e a peça da vez são as jaquetas. Aposte nos modelos maxi e com aplicação de patches, que são cara do estilo grunge e da década de 90.

 

Desenvolvimento:
Agência: