Posts Tagged "inverno"

Neste inverno, esqueça os looks básicos e neutros! O frio será de muita energia com uma explosão de vermelho nas ruas. Quer ver só? Confere com a gente como usar esta super tendência:

Ainda não é inverno, mas é óbvio que já estamos de olho naquelas pecinhas chave para investir na próxima estação e se tem uma tendência que irá dar um up em qualquer look invernal é o vermelho.

Isso mesmo, todos os tons de vermelho. A cor começou a se destacar neste verão e promete continuar firme e forte no outono/inverno 2018, segundo as semanas de moda mundo a fora.

A cor vai ser a queridinha da vez nas roupas, sapatos e acessórios e funciona bem com os mais variados estilos e tons de pele. Uma boa aposta para este inverno é criar looks monocromáticos e investir na mescla de tons e de tecidos.

O vermelho também pode ser facilmente adaptado para diversas ocasiões, do office look ao happy hour. Aposte nos trench coats, que são clássicos da estação e nunca saem de moda ou no grande trunfo da vez: as botinhas vermelhas. Finalize o look com make e cabelo ao natural para não deixar a produção sobrecarregada.

 

Mas e na prática, como usa? Confira 5 formas de usar o vermelho no seu dia a dia:

1) Look total red: Vale usar vermelho da cabeça aos pés, sim! Mas para não ficar over, combine peças com diferentes tons e diferentes tecidos/texturas.

2) Sapatos: Outra aposta perfeita é investir nos sapatos vermelhos. Principalmente as botas, que são clássicos do inverno! Use com vestidos soltinhos e meia-calça, em looks monocromáticos de cores neutras ou com calças cropped, que destacam o sapato.

3) Xadrez: Mais um clássico das estações frias e que fica perfeito em vermelho. Aproveite a onda anos 90 e invista em camisas xadrez com uma pegada bem grunge ou então em vestidinhos com carinha retrô.

4) Paetês: Se for pra chamar a atenção, por que não combinar o vermelho + brilho? Pode investir neste combo em blusinhas, jaquetas, vestidos, shorts ou saias.

5) Veludo: Outra tendência que vai dominar nossos guarda-roupas é o veludo. O tecido tem tudo a ver com o inverno e fica perfeito em vestidos slip dress e até mesmo nos sapatos!

 

Sabe o que está chegando?

Isso mesmo, a Fimec!

Mais uma vez somos presença confirmadíssima na maior feira internacional do setor coureiro-calçadista. Venha com a gente prestigiar este grande evento e conhecer o espaço super especial que estamos organizado para você!

Saiba mais sobre a feira lá no www.fimec.com.br

 

Uma das maiores características da moda é que ela é feita de ciclos. E estamos provando isso hoje mesmo, vendo ressurgir velhos conhecidos como os sapatos mule e os saltos plataforma, os top cropped, a cintura alta, as chokers, os patches, e por aí vai.

E o inverno 2018 (sim, já estamos pensando nele!) promete resgatar e dar vida nova a mais uma tendência. Mas desta vez, nossa viagem no tempo da moda vai além dos anos 90 e 80 – que estão bombando hoje – e trazemos diretamente dos anos 60 uma inspiração super ousada: O espaço!

Sim! O espaço sideral. Esta foi a principal inspiração de uma das maiores grifes do mundo, a Chanel, para o desfile onde anunciou suas apostas para o inverno 2018.

Ou seja, se você já está desfilando por aí os seus sapatos e tênis prateados, pode ficar bem feliz, porque eles vão continuar reinando absolutos na próxima estação. E se você ainda não tem um par destes, é hora de investir!

 

Mas você deve estar se perguntando: Como assim “moda do espaço”?

Calma, ninguém vai sair por aí vestido de astronauta, não! Como falamos acima, o que vai bombar são os tecidos e materiais em tons de prata e aplicações de brilhos prateados.

O espaço sideral e o futurismo foi uma forte tendência nos anos 1960, não só na moda, mas na cultura em geral. Na época, o mundo vivia a Guerra Fria e a corrida espacial entre EUA e União Soviética. Além disso, foi na década de 60 que vimos nascer ou se desenvolver importantes tecnologias, como satélites, estruturas aeronáuticas e computadores.

E como isso tudo vai chegar ao seu guarda-roupa? Em seu desfile, a Chanel apresentou principalmente terninhos em linhas retas, retratando a sobriedade desta tendência. Além disso, a grife trouxe também meia-calças bordadas com brilho, peças com estampas inspiradas no espaço, muito prata e furta-cor.

Ou seja, além dos nossos já amados tênis e mocassins prateados, veremos nas ruas muitas botinhas, principalmente sem salto, prateadas e cobertas com glitter prata. Peças mais retas e pesadas, aplicações metálicas e tons sóbrios.

A tendência é ousada, sim, mas pode garantir looks incríveis!

Como? Muito simples: as cores que melhor casam com o prata são o preto e branco. Tons de nude, amarelo e azul escuro também são boas apostas. Para começar, a dica é investir em pequenos detalhes, como um acessório ou um par de sapatos.

Para as mais fashionistas, uma ótima escolha pode ser uma bomber jacket ou uma saia plissada – se for no comprimento midi, melhor ainda. Para a noite então, pode se jogar sem medo, que a tendência é perfeita!

1 2 3

 

 

Criativa, imaginativa, complexa e contemplativa. Conheça a ultravioleta, a cor de 2018. Todos os anos, a Pantone divulga sua tradicional aposta entre as tendências que vão dominar tanto o mundo da moda como também o design, beleza e decoração. E o “roxinho enigmático” promete ser o hit absoluto deste ano.

O ultravioleta foi anunciado pela empresa norte-americana como a cor deste ano ainda no final de 2017 e foi tão bem aceito que tem tudo para bombar em 2018! Conforme a Pantone, o ultravioleta tem inspiração nos mistérios do Cosmos e simboliza a expectativa do que está por vir e as novas descobertas.

Além de toda a áurea mística, o tom também está ligado à contracultura, ao não convencional, à individualidade e ao talento artístico, uma vez que foi muito adotado por grandes ícones da música, como David Bowie, Prince e Jimi Hendrix.

Segundo a Pantone, o ultravioleta é uma cor carregada de emoção e espiritualidade. Ele representa uma fuga do conformismo, sendo usado como forma de expressar algo único. A cor ainda é associada à expansão da consciência e à energia.

 

Mas onde veremos o ultravioleta?

O ultravioleta vem para dar uma injeção de ânimo no visual, mas promete ir muito além das barreiras da moda. No mundo fashion, ele já tem sido adotado por várias celebridades, principalmente para compor looks com inspirações rocker e na tendência color block.

No street style, veremos o ultravioleta principalmente em detalhes. Sapatos, bolsas e demais assessórios são perfeitos para você começar a adotar a cor no seu dia a dia. O tom é ótimo para os looks balada, justamente pelo seu ar misterioso, mas também pode ser usado no office look tranquilamente, contanto que com moderação.

Já no make, o ultravioleta tem aparecido principalmente em sombras esfumadas, garantindo um ar de modernidade. E acompanhando a tendência do sereismo, veremos muuuitos cabelos violeta por aí.

E, claro, a cor também será uma grande tendência dentro de casa, principalmente em ambientes ligados à meditação e ao relaxamento. Invista em pontos de cor – pode ser uma única parede, um único móvel ou alguns objetos – para não sobrecarregar o ambiente.

1 2 3

Fotos: Pinterest

Vídeo: Pantone BR

Você já deve ter reparado que os recortes dominaram a moda. Já faz algum tempo que este detalhe saiu das passarelas e invadiu as ruas com toda a sua ousadia e sensualidade. E claro que a gente ama! Pensando nisso, que tal umas dicas de como usar os recortes no seu dia a dia?

Eles dão um ar super moderno ao look e conseguem deixar mais estilosas até mesmo as produções mais básicas. Os recortes têm aparecido principalmente em  blusas, camisas e vestidos. O body, peça desejo do momento, também entrou na onda e apareceu cheio de recortes e transparência, que agregam ainda mais sensualidade ao visual.

Essa brincadeira de “mostra e esconde” é principal charme dos recortes. Este detalhe costuma estar presente em partes estratégicas, como as mangas, ombros, costas, cintura e decote. E claro que o beachwear não pode ficar de fora. Os recortes também tem sido o ponto alto das coleções de moda praia, aparecendo de diferentes formas, principalmente nos maiôs.

Mas como usa?

Não é difícil incorporar os recortes no seu guarda-roupa. A única regra aqui é o equilíbrio. Cuidado com o ambiente e a ocasião. Eventos formais exigem cautela. Como são bastante ousados, é preciso cuidado para não acabar errando a mão e parecendo vulgar. Prefira peças em cores sóbrias e recortes menores e menos reveladores.

Uma dica é apostar nos recortes em peças que fujam do comum, como macacões e batas estilo boho. Outra ideia legal é combinar o detalhe com as suas “tendências irmãs”, como o strappy bra, telas de renda, decote ombro a ombro e peças com assimetria.

Em momentos de lazer e ambientes mais descontraídos, vale um pouco mais de liberdade. Peças estampadas são bem-vindas, principalmente florais e estampas tropicais, que são a cara do verão, e tem tudo a ver com os recortes.

 

No inverno, elas são protagonistas e nossos sapatos preferidos para qualquer ocasião. Mas será mesmo que as botinhas devem passar o verão trancadas no armário? Não mesmo! As botas são excelentes opções para sair por aí super estilosa mesmo nos dias de calor. E é super fácil de cominar, quer ver?

Os modelos mais usados no verão são mesmo os de cano curto, até o tornozelo ou um pouco acima. Não que as botas de cano longo não possam ser usadas nesta estação, mas como esquentam bastante, podem acabar sendo uma escolha ruim. O ideal é dar preferência para as botinhas mais leves e sem forro.

Quanto ao estilo, você pode abusar! Os modelos mais básicos, como aquela bota preta sem muitos adereços, são ideais para looks mais sóbrios e elegantes. Mas a nossa dica é aproveitar o clima alegre do verão e investir em botinhas coloridas, com texturas diferentes, metalizadas, coloridas e com glitter – as três últimas são super tendência, inclusive!

Ok, você já tem os seus modelos preferidos. Mas como combiná-los com as roupas de verão? A gente te ensina:

Com calça – Uma combinação simples e fácil de fazer, mas muito bonita e perfeita para os dias em que o calor dá um trégua. O ideal aqui é que a calça seja do modelo skinny. Para as baixinhas, uma dica para parecer mais alta é combinar a cor da calça com a da bota, pois assim cria-se a ilusão de que as pernas são maiores.

Com saia – Outra combinação perfeita. Para usar bota com saias, só é preciso observar um pequeno detalhe: proporção. Quanto maior o cano da bota, menor deve ser a saia (o mesmo vale para os vestidos). Se a saia for até a altura dos joelhos, por exemplo, e o cano da bota for mais alto, suas pernas vão parecer mais curtas e a silueta ficará desproporcional.

Com vestidos – Independente do modelo, os vestidos ficam lindos com botinhas. Para quem quer um visual mais rocker, vale apostar na combinação leve X pesado e misturar um vestidinho mais fluído com coturno ou bota de salto tratorado. Para as apaixonadas por vestidos longos, escolha botas do modelo anckle, que têm o cano mais curto, na altura do tornozelo.

Com shorts – Não existe peça que seja mais sinônimo de verão do que os shorts. E claro que dá para criar combinações lindas entre eles e a s botinhas. Aqui vale de tudo, do jeans aos modelos mais sociais. As botinhas mais pesadas combinam bem com shorts jeans destroyed, os modelos chelsea e com uma pegada mais country dão uma ar folk ao look. Já os modelos anckle em geral são tão versáteis que combinam com quase tudo.

 

 

Ele é versátil, confortável e nunca sai de moda. Estamos falando do tênis casual, o sapato mais coringa do guarda-roupa masculino. Ele é tão democrático que pode ser usado por homens de qualquer idade, de qualquer estilo pessoal e praticamente em qualquer lugar. Legal, não é mesmo? Então continue lendo, porque vamos te contar tudo o que sabemos sobre este sapato que todo homem deveria investir.

O tênis casual é ideal para o dia a dia, porque combina muito bem com o estilo urbano. Ele pode te acompanhar do trabalho ao happy hour e depois para a faculdade. E para a balada? Pode também! Mas atenção: Apenas ambientes mais descontraídos, ok? Eventos muito formais não combinam bem com este sapato.

Para montar o look, vale praticamente de tudo. Dê preferência para um visual leve e combine as jaquetas e casacos pesados com peças tão casuais como o tênis. Peças em alfaiataria também podem ser usadas com este sapato, mas com equilíbrio e combinando com outras mais casuais.

Usar o tênis casual sem meias pode ser uma ótima ideia para deixar o look ainda mais descontraído. Quanto às cores, as neutras são sempre bem-vindas e atemporais, mas tons de azul, vermelho e verde podem ser ótimos para fugir do comum. Ainda não está convencido? Então vamos te dar 10 motivos para começar a usar tênis casual no seu dia a dia:

Eles combinam tanto com bermuda como com camisas sociais;

Eles são despojados sem perder a personalidade;

Além de confortáveis, são grandes coringas para quem não gosta de muita enrolação na hora de escolher o que vestir;

Nunca saem de moda;

Podem ser usados em qualquer estação do ano;

– A falta de opções nunca será um problema na hora de comprar um tênis casual: Você vai encontrá-los em várias cores, designs e marcas;

Proporcionam um visual jovem, moderno e arrojado;

Além de atemporais, acompanham as principais tendências do mundo da moda;

Os modelos mais básicos são ótimos para combinar com peças diferentes, estampadas e coloridas;

É o sapato masculino perfeito para qualquer ocasião.

Então agora que você já conhece e sabe como usar o tênis casual, é só escolher o modelo que melhor combina com você e abusar desta tendência!

O sapatos brogue são sucesso entre os homens, mesmo que aqui no Brasil ainda sejam considerados uma tendência recente. O brogue, na verdade, não é um modelo, mas sim um estilo de sapato caracterizado por costuras e furinhos ornamentais.

Não se sabe ao certo onde o brogue surgiu, mas acredita-se que sua história começou na Irlanda, antes do século XX, quando os trabalhadores faziam perfurações nos sapatos para drenar a água que entrava neles quando realizavam serviços externos.

No Brasil, o brogue apareceu pela primeira vez na década de 1930, em sapatos sociais. Mas com a chegada das versões mais casuais, com solas coloridas e mix de texturas como couro e camurça, o estilo conquistou ainda mais o seu público.

Antes, o brogue eram mais comum nos modelos oxfords, mas hoje podem ser encontrado em loafers (uma mescla de mocassins e slippers), botas e até mesmo em tênis. Dentro desta tendência, existem diferentes nomenclaturas de acordo com o desenho formado pelos furinhos. As mais conhecidas são:

Full Brogue: Apresenta um pedaço de couro costurado na ponta do sapato cujo formato lembra um pássaro com as asas abertas (wingtip ) com as bordas serrilhadas e perfurações em todo o sapato.

Half Brogue: Ao invés do wingtip, possui uma biqueira (ou cap toe) e menos perfurações.

Quarter Brogue: Apresenta perfurações apenas na borda da biqueira.

Austerity Brogue: Apresenta o wingtip, igual ao full brogue, mas sem a maior característica do sapato: os furos.

Longwing ou Fullwing Brogue: Alguns modelos fogem do tradicional e dão um verdadeiro show de estilo! Nesta versão, os wingtips se unem no reforço existente no calcanhar do sapato.

Spectator Shoe: Da mesma forma que o  full brogue ou half brogue, porém bicolor. Fez muito sucesso nos anos 20 e 30 e pode ser encontrado em diversas combinações de cores como preto e branco ou bege e marrom, sendo que a cor mais forte sempre cobre do bico ao calcanhar do sapato.

O mais legal do estilo brogue é que ele atende a todos os gostos, dos mais discretos aos mais ousados! Ele também se adapta bem a diferentes ocasiões: um modelo preto e em verniz pode ir muito bem a um evento formal e um modelo em camurça marrom combina com um jeans moderno, mesmo com as clássicas perfurações.

Fotos: Pinterest

O inverno ainda não deu adeus ao Brasil, mas nós já estamos de olho nas tendências da próxima estação. E se tem uma tendência que vem ganhando força e promete ser febre no próximo verão, são os sapatos mule!

Hit da década de 90, o modelo caracterizado pelo calcanhar à mostra foi repaginado e voltou à moda com diferentes designs e materiais, aplicações metálicas e de patches, outra forte tendência do momento. Os mule também podem ser encontrados nas versões flat – rasteiro – ou com salto alto. Dos mais simples aos modelos cheios de amarrações.

Os modelos flat costumam ser ideias para o dia a dia, seja para ir ao trabalho ou em momento de lazer e descontração. As versões com salto alto garantem elegância e ousadia. Democrático, o mule vai bem com todas as peças, sejam calças, short, saias ou vestidos.

No verão, é ótimo para compor visuais leves e práticos. Mesmo no inverno, pode-se optar por modelos mais quentinhos, com forro de pelúcia. Para tornar o look ainda mais estiloso, vale apostar em outras tendências atuais, como as calças flare, pantacourts e peças esportivas.

Selecionamos quatro ideias para você se inspirar na hora de montar combinações com o seu mule. Dá uma conferida e aposte neste modelo que tem tudo para ser o ponto alto da estação!

Mule + Calça

Além de confortável, o mule consegue deixar estiloso qualquer look mais básico. Na hora de inovar, uma boa pedida é combinar o sapato com as pantacourts. Além de ousado, a composição ainda favorece o sapato, que fica à mostra!

Mule + Saia

Indiferente do modelo, comprimento ou cor, as saias destacam a feminilidade. Seja no inverno ou verão, são uma grande aposta para combinar com o seu mule, seja flat ou com salto.

Mule + Short

A melhor combinação para os dias de verão! Com o short, o mule pode formar combinações modernas e leves, ideais para passeios no parque ou na praia.

Mule + vestido

Na hora de deixar o look com vestido menos óbvio, uma boa ideia é combinar com o mule! Os modelos com salto, por exemplo, garantem uma combinação ousada e elegante!

Fotos: Pinterest

 

Desenvolvimento:
Agência: